Magazine Luiza

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

O Segredo do Molho (O FILME) - The Secret of the sauce











Esse filme que o Rafinha Bastos publicou pouco antes do primeiro turno
das eleições é cheio de mensagens nas entrelinhas, metáforas,
interpretações... Eu ainda não consegui descobrir todos os enigmas
dele...



"Nós é quem damos o sentidos para as coisas!"



Alguém me ajuda?

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Acabaram as eleições... No discurso de vitória da Dilma, a primeira prioridade: O Diálogo.


Passada a eleição, Dias Toffoli defende a união dos brasileiros




O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Dias Toffoli, disse, hoje (26), que a sociedade deve voltar a ficar unida com o fim da disputa presidencial. A declaração de Toffoli foi feita na entrevista na qual o TSE anunciou oficialmente a vitória da candidata Dilma Rousseff (PT), reeleita para mais quatro anos de mandato. O presidente também minimizou a abstenção do eleitor no segundo turno. Ele destacou que a votação, por meio da biometria, será aprimorada para as próximas eleições.

Segundo Toffoli, com o fim da campanha, marcada por ataques pessoais entre os dois candidatos, as pessoas devem voltar a debater juntos os rumos do país. “No Estado Democrático de Direito, o que importa é que, passado o processo eleitoral, a sociedade volte a estar unida para pensar no desenvolvimento desta grande nação que é a nação brasileira. Realmente, esta foi uma eleição, desde a Constituição de 1988, em que houve muitas emoções e uma tragédia”, disse.


Aécio: “a maior prioridade deve ser unir o Brasil em torno de um projeto honrado”

Ao reconhecer derrota, tucano disse que ligou a presidenta Dilma Rousseff para parabeniza-la pela vitória

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) reconheceu sua derrota no segundo turno das eleições presidenciais e ligou para cumprimentar a presidenta reeleita Dilma Rousseff (PT). Em curto discurso, feito em Belo Horizonte, ela agradeceu ao voto dos seus eleitores.
“Considero que a maior de todas as prioridades deve ser unir o Brasil em torno de um projeto honrado e que dignifique todos os brasileiros,” disse o tucano. “Mais vivo do que nunca, mais sonhador do que nunca, eu deixo essa campanha com sentimentos que cumprimos o nosso papel”.

PSDB não fará oposição destrutiva, afirma Serra - O ex-governador José Serra, eleito para o Senado, afirmou que o PSDB não fará nunca uma oposição "destrutiva, do tipo quanto pior, melhor" e que no Congresso o partido continuará combatendo "tudo o que combateu nesta campanha".

Após vitória apertada, Dilma pede união e promete lutar contra corrupção

Presidente reeleita garante que está aberta ao diálogo e não acredita em nação dividida
Após ser reeleita com 51,5% dos votos válidos neste domingo (26), a presidente Dilma Rousseff conclamou o povo a se unir na construção das mudanças que a sociedade pede. Em seu primeiro pronunciamento após vencer Aécio Neves nas urnas, na disputa mais acirrada desde a redemocratização do País, a presidente disse que não acredita em uma nação dividida e pede que os brasileiros se unam em favor do Brasil.
— Conclamo, sem exceção, todas as brasileiras e todos os brasileiros para nos unirmos em favor do futuro de nossa pátria, de nosso País e de nosso povo. Não acredito, sinceramente, do fundo do meu coração, que essas eleições tenham dividido o País ao meio. Eu entendo, sim, que elas mobilizaram ideias e emoções às vezes contraditórias, mas envolvidas por um sentimento comum: a busca por um futuro melhor para o País.






Marina pede união do Brasil após eleição

Candidata votou na manhã deste domingo em Rio Branco, no Acre.


A ex-ministra Marina Silva (PSB), terceira colocada no primeiro turno da eleição presidencial, afirmou neste domingo (26), após votar em Rio Branco, no Acre, que o Brasil deverá fazer um esforço para se unir após o acirramento da disputa eleitoral no segundo turno.

“Independente dos resultados, é fundamental que, depois dessas eleições, se tenha uma postura de unir o Brasil, de não permitir que o nosso país seja dividido entre Norte e Nordeste, entre Sul e Sudeste. Que o Brasil continue sendo o país da diversidade social, cultural e econômica”, disse a candidata.

 



sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Hoje tem o último debate entre Aécio X Dilma

Hoje tem o último debate entre Aécio X Dilma antes da eleições em domingo...
Olhando o site do Estado de Minas e o site da revista Veja eu lembro de um episódio acontecido nas eleições municipais de 2008 em Belo Horizonte, que deu vontade de relatar.

Voltamos a 24/10/2008, era dia do último debate antes das eleições na Globo entre Leonardo Quintão(PMDB) e Márcio Lacerda(PSB). Percebam, nem PT nem PSDB na disputa, então antes de continuar a história tenho que ambientar no panorama político da época na cidade.

A Aliança de adversário históricos PT-PMDB feita nacionalmente após as eleições do  Presidente Lula gerou irritação em várias  regiões do país, por exemplo no Maranhão onde as militancias PTstas sempre foram contra a dominação da família Sarney da região. Tal aliança causou mal-estar, protestos, cartas de indignação e saída do partido dos mais inconformados. Em Belo Horizonte também era assim. O ex governador Newton Cardoso(PMDB) fez um governo muito atacado e denunciado pela militância PTsta, depois tiveram que se unir em uma chapa com o "Newtão" presente. O PT era situação, o prefeito era Fernando Pimentel e tinha como grande oposição na cidade não o PSDB e sim o PMDB. E as "forçadas" negociações com o então governador do Estado de Minas Aécio Neves fizeram Pimentel ficar muito próximo de Aécio e amarrarem uma aliança incomum em Belo Horizonte. PT e PSDB se uniram para lançar um candidato do PSB a prefeito com um PTsta como vice. Muita revolta nessa aliança, protestos aqui, protestos alí, mas ao final foi aceito a chapa com  a condição do PSDB não dar apoio formal a aliança. Assim foi feito: o apoio do PSDB foi informal! Fora da coligação oficial. O fato é que o prefeito do PT e o governador do PSDB apoiavam o mesmo candidato a Prefeito do PSB.

É muito para sua cabeça?  Calma que ainda piora.

Parece barbada não parece? Bem, parecia sim barbada... O PMDB que era oposição do prefeito em Belo Horizonte e oposição do governador em Minas Gerais também lançou seu candidato. Leonardo Quintão foi eleito vereador em Belo Horizonte com 9.887 votos, depois deputado Estadual duas vezes com 60.528 e 135.306 votos. Filho de mineiros mas nascido em Taguatinga(DF)  passou a infância em Coronel Fabriciano (MG) e Ipatinga (MG) onde sua família tinha grande participação política incluindo o prefeito de Ipatinga. Evangélico com grande base eleitoral nas sua igreja, também fez uma aliança estranha para disputar a prefeitura. Seu vice foi Eros Biondini, católico, cantor e uma das lideranças da Canção Nova em Minas Gerais, formava uma chapa que unia Católicos e Evangélicos para disputar contra uma chapa  PTistas e PSDBistas.

As pesquisas apontavam uma vitória tranquila para Márcio Lacerda no primeiro turno (mais de 15% de vantagem), eis que a abertura das urnas do primeiro turno desmentiu as pesquisas(só mais uma vez) e trouxe um resultado 43% para  Márcio Lacerda X 41% de Leonardo Quintão.

Pintava aí um segundo turno sendo decidido voto a voto.... (agora começaram a lembrar de algo)

Agora vamos voltar ao 24/10/2008, dia do último debate da Globo antes do segundo turno.

Saiu na capa do Jornal Estado de Minas ("o grande jornal dos mineiros" por ele mesmo) que "Leonardo Quintão usou o mesmo esquema de Maluf e Pitta".

A matéria:
"Um arsenal de documentos obtidos pelo
Estado de Minas na Promotoria Distrital de Nova
York mostra que o candidato do PMDB à Prefeitura de Belo
Horizonte, Leonardo Quintão,e seus
familiares usavam os doleiros do esquema dos
ex-prefeitos Paulo Maluf e Celso Pitta para enviar
recursos para o Exterior. De acordo com a papelada,
a família do candidato do PMDB movimentou
no período de 1998 a 2002 mais de U$1milhão
por meio da BeaconHill, o megaescritório controlado por doleiros de toda América Latina,
fechado em 2003 pelos promotores norte-americanos.Segundo
os documentos obtidos em 2003 pela CPI
do Banestado, Maluf, Pitta e o contrabandista João
Arcanjo Ribeiro, preso em Cuiabá, usaram esse
mesmo escritório para enviar recursos para Suíça e outros
países localizados em paraísos fiscais.
De acordo com os papéis, o candidato do
PMDB e seu pai, Sebastião Quintão, prefeito de
Ipatinga, deixaram suas digitais em pelo menos
seis operações da Beacon Hill, que totalizaram
quase US$150 mil.No dia 27 de outubro de 1998,
por exemplo,a Beacon Hill creditou U$50 mil na
conta10043-001,aberta por Leonardo Quintão no
Cittibank de Nova York. Os papéis mostram ainda
que a Beacon Hill transferiu o dinheiro atendendo ao pedido de uma rede de doleiros de Belo
Horizonte.De acordo com os documentos, no dia
12 de março do ano seguinte, o escritório de lavagem dinheiro transferiu uma bolada ainda maior
para a mesma conta de Quintão: US$70 mil. Ainda
de acordo com a papelada, o restante da bolada
da família Quintão foi operado por Anibal Quintão, primo do candidato do PMDB,que tem
registrado no Departamento da Flórida 20 empresas
de câmbio e de atividades diversas nos EUA."

Numa matéria posterior a essa mostra Aécio apertando a mão de Lula dizendo "Lula garante parceiria para Metrô em Belo Horizonte" A matéria dizia:

"(...)
“Há um compromisso do
governo federal, em especial
por meio do BNDES, de participar.
Isso para nós é tranqüilizador
porque estou prevendo
no Orçamento do estado
também recursos para essa
parceria”, afirmou Aécio, assegurando
que o assunto será
retomado daqui a duas semanas em nova
reunião como presidente. O governador
apresentou o modelo de PPP
para o metrô e o objetivo é
tentar avançar, nos próximos
encontros, nas negociações
do projeto. “Ele (Lula)
tratará como projeto absolutamente
prioritário.”
(...)
"


Vale ressaltar que a forma como a obra do metrô seria financiada, era a grande diferença entre as propostas de Leonardo e Márcio e, claro, Aécio e Lula apertaram as mãos decidindo que a proposta de Márcio Lacerda era o melhor caminho a seguir (as famigeradas PPPs).

Pois bem... O resto da história é fácil adivinhar... No debate da Globo as duas primeiras perguntas de Márcio Lacerda para Leonardo Quintão foram baseadas nessas duas reportagens.











E como epílogo informo que Márcio Lacerda ganhou as eleições, o esquema de lavagem de dinheiro do Leonardo Quintão nunca mais foi investigada, ele foi re-eleito deputado federal esse ano e a obra do metrô de Belo Horizonte não recebeu verba nenhuma... continua do mesmo tamanho que estava em 2008...

Hoje tem o último debate entre Aécio X Dilma antes do segundo turno das eleições presidenciais...
A experiência vitoriosa nas eleições municipais de Belo Horizonte volta agora com toda força e em outra escala. Sai Estado de Minas entre Veja. sai esquema de lavagem de dinheiro do Banestado e entra escândalo da Petrobras. O Aécio continua. Tudo me remete aquele dia do debate de Belo Horizonte... Tudo mesmo!

A imprensa é parte integrante na democracia de qualquer país.  A imprensa deveria ser de qualidade e responsável. Qual deveria ser o papel da imprensa em uma eleição? Qual o papel que a imprensa vem assumindo nas eleições no Brasil?

PIG em inglês significa porco. No Brasil significa o que?




quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Olha só o que a universidade de Brasilia está ensinando!...




Caracas... é isso que a universidade de Brasília ensina?
Que novidade vocês estão me contando... Quer dizer que os ricos mandam dinheiro para fora para se livrar de pagar impostos? E o como eles fazem? Usam empresas off-shores e contas em paraísos fiscais?
Acorda galera, fazem isso somente os desonestos! O rico que usa desses meios de mandar o dinheiro para o exterior eu me pergunto se ele fez coisas parecidas para acumular suas riquezas.. É só no Brasil mesmo que usa-se argumentos imorais com tanta naturalidade assim (e por ironia em Brasília!)...
Uma contradição: A carga tributária do Brasil é altíssima. Em média entre 30% e 40% da renda anual vai para impostos... Os intocáveis ricaços ficam incomodados com 5%? O resto da população não paga os 40% de impostos e ainda ficam rindo e sambando?

A carga tributária é altíssima. E quanto mais baixo a classe social mais alta a relação entre renda anual / carga tributária. Isso vale também para o porte das empresas. Alguém discorda disso ou é desinformação de minha parte? Alguém quer mudar essa situação? Os que querem mudar são esquerdistas ignorantes? Alguns não querem... Infelizmente a reforma tributária não sai tão rapidademente quanto Habeas-Corpus para banqueiro... os interesses desses alguns são fortíssimos...

Fora o imposto de renda e poucos sobre a propriedade como o IPTU e IPVA, todo o restante se baseiam no consumo, na importação/exportação e nas coitadas pequenas e micro empresas.
Sem reforma tributária pequenas mudanças acontecem por meio de medidas provisórias... se inventou o imposto sobre movimentação financeira. Esse imposto mudava um pouco esse perfil, pois o cidadão comum que movimenta 1.000 por mês no banco paga um tanto, menor que a empresa que movimenta 100.000 por mês que por sua vez paga menos que a grande empreiteira que movimenta 10.000.000. É claro que as empresas honestas repassam esse valor para seu consumidor final(como faz com os outros impostos também), mas e aqueles que movimentam grandes valores que não possui clientes? Como as empresas de publicidade, a classe política, os sonegadores de impostos, aqueles bandidos lavadores de dinheiro que utilizam as off-shores... Todos esses não tem como repassar para ninguém! A solução dessa galera foi um só: Vamos acabar com esse imposto nefasto! O ICMS(20% da carga tributária os consumidores pagam), o COFINS(11% da carga as empresas honestas pagam), esses ninguém ataca, pode permanecer! Realmente é difícil ir contra o interesse desse povo...

E os interesses dos bancos então? Puxa vida! Vocês que viram esse teatrinho estudantil, vejam essa entrevista de uma profissional da área que fala sobre dívida pública mas toca sobre a questão de juros e interesses bancários:

http://www.youtube.com/watch?v=cRL3I0MeP6w

Olha a diferença de qualidade em argumentos e conhecimento... Conhecimento de dentro das estrutura. E essa galera mandando estudar? Ah!! Vá pro....

E sobre a bolsa de valores então? Produção para vocês é investir um mês na empresaX  até ela começar a desvalorizar, vende as ações e compra a da empresaY, fica um mês, troca para a EmpresaZ... e assim vai... É isso que chamamos de especulação com o dinheiro!... Investir em produção é ao invés de fazer isso (normalmente beneficiando as grandes empresas) o investidor abre uma padaria na esquina. Gerando emprego. Gerando emprego e trabalho, mas como a galera não gosta de trabalhar preferem ficar trocando de ações de grandes empresas a cada mês... E olha que eu estou falando dos honestos, porque os desonestos, (aqueles que tirarão o dinheiro do Brasil se as grandes fortunas forem taxadas) esses lançam empresas de fachada na  bolsa, e uma empresas do exterior (também de fachada) compram ações dessa empresa nacional por um valor muito maior do que elas valem, internalizando no País um dinheiro que só Deus(e eles mesmo) sabem de onde vieram... E o pior internalizando legalmente esse dinheiro! Não podemos colocar na cadeias esses safados pois estão dentro da lei!! (Ah se tivesse CPMF para esse povo!)

Sobre as ditaduras socialitas: O problema é não ser socialistas... é ser ditadura! Tivemos no país uma ditadura não-socialista entre 64-85 que matou tanta gente que nem podemos contar pois eles estão picadinhos, queimadinhos, no fundo do oceano, etc... Ditadura socialista ou capitalista matam. E a Luciana não defende a ditadura (tem outros candidatos que representam essa gente...)

Só quero tranquiliza-los. Não há nenhuma chance do Brasil se tornar uma Cuba, uma Bolívia, Venezuela ou Coréia do Norte. Nenhuma chance! Nossa realidade é bem diferente, somos a 8ª Economia Capitalista do Mundo e nenhum PSol ou Luciana Genro vai conseguir mudar essa realidade!...

O Lula chegou ao poder em 2002 com o discurso que iria atacar o maior problema do Brasil: A desigualdade social. Em 2002 éramos o 4° pior do mundo nesse quesito vencendo só Etiópia, Serra Leoa e outro que não lembro... Mas ele fez isso somente parcialmente... Só aliviou um pouco a situação de baixo da pirâmide aumentando salário mínimo e distribuindo beneficies de todo tipo... Mas não fez nada sobre a parte de cima da pirâmide... nenhum de seus interesses foram quebrados... pelo contrario: Ele se uniu a eles... Tenho a esperança que essa minoria da população ainda terá seus interesses confrontados em prol do interesse da maioria!

Eu juro que não tenho nenhum preconceito... Para mim brasileiro gaúcho e acreano tem o mesmo valor... Mas que é uma ironia muito grande esse vídeo ter saído de Brasília, ah isso é!